Quando é necessário procurar um reumatologista?

Quando é necessário procurar um reumatologista?

É comum observarmos em consultas pacientes com dores nos ombros, punhos ou joelhos que antes procuraram um ortopedista. Nesse sentido, esclarecer a atuação entre ambos os profissionais torna-se importante. O ortopedista faz o acompanhamento e tratamento de dores causadas por um trauma como, por exemplo, uma torção ou uma queda. Por outro lado, o reumatologista investiga as dores nas articulações ou nos tecidos ao redor, como os tendões, as bursas e os ligamentos decorrentes de um processo inflamatório.

São conhecidas mais de 200 doenças reumatológicas diferentes que podem estar relacionadas ao acometimento não só das articulações, músculos, ligamentos e tendões, mas também quando afetam o sistema imunológico, conhecidas como doenças auto-imunes. Nessas doenças, no qual o corpo produz células ou anticorpos que atacam ele mesmo, o sistema imunológico está envolvido e atinge órgãos como cérebro, rins e coração. Alguns exemplos dessas doenças são lúpus eritematoso sistêmico, artrite reumatoide, espondilite  anquilosante, síndrome de sjogren, artrite psoriásica e  vasculites, entre outras.

Não existe uma forma de prevenir as doenças reumatológicas, pois a pessoa pode apresentar um fator genético que pode facilitar o aparecimento das doenças auto-imunes. Porém, para desencadear a doença é necessária a exposição de um fator ambiental durante a vida, como algumas infecções e o tabagismo. Assim, com o aparecimento das manifestações, é fundamental o diagnóstico realizado pelo especialista.

O diagnóstico das doenças reumatológicas tem como base a história clinica do paciente e o exame físico. Em alguns casos, podem ser solicitados exames laboratoriais que identificam a inflamação ou a presença de auto-anticorpos. Exames de imagem como radiografia, tomografia, ultrassom e ressonância também podem ser indicados, dependendo dos sintomas.

É importante realizar o diagnóstico correto o mais rápido possível para iniciar o tratamento apropriado. Assim, na presença de dor persistente nas articulações, na coluna ou alguns sinais como febre de causa não infecciosa, é essencial agendar uma consulta com um reumatologista.